Pesquisar este blog

quarta-feira, 27 de maio de 2009

Primeiro poema.

Eu gosto da dadá
igual gosto da mamãe
do papai do céu
e da debra.


* esse poema foi escrito quando eu tinha 7 anos, no dia 11/06/93, numa aula do prezinho em virtude do dia dos namorados que seria no sábado próximo.
** dadá era a menina que eu gostava.
*** debra no caso seria minha irmã Débora.

3 comentários:

The walrus. disse...

porra, só eu não gostava do papai do céu?

Emi disse...

volteeeiiii pro blog!
muito lindo esse poema, bem inocente haha

Bruna Léo disse...

Hahahahahah!

Parafraseando Delsinho aos 7, pensando em Delsinho aos 20 e poucos:

Eu gosto de todas
mas não igual gosto da mamãe
já larguei o papai do céu
e aprendi que não é "Debra".